27
AGO
Enderson Moreira ajudou o seu Botafogo a 'roubar' a vaga do Guarani, no G4

Ao 'roubar' a vaga do Guarani no G4 desta Série B do Campeonato Brasileiro, na vitória por 1 a 0 sobre o Coritiba, o Botafogo carioca mostrou o seu cartão de visita para este segundo turno da competição.

E mostrou um futebol competitivo, organizado, e sobretudo com o dedo de seu treinador Enderson Moreira.

Se há treinador que estuda o desenho do jogo antes de a bola rolar, certamente nesta vitória botafoguense Anderson Moreira estudou e engoliu o treinador paraguaio Gustavo Morínigos, que comanda o Coritiba.

O que fez, então?

No início, povoou o meio de campo de seu time com quatro homens, ao determinar que o atacante de beirada Marco Antonio fechasse por dentro.

Como o Coritiba havia mantido o inflexível modelo de dois atacantes de beiradas, ficou com menos gente no meio de campo e por isso levou desvantagem no setor.

O Botafogo ganhou a maioria dos rebotes e teve maior volume de jogo durante o primeiro tempo, o suficiente para criar oportunidade com o meia Chay colocando a bola na cabeça do centroavante Rafael Navarro, que explorou falha de colocação do zagueiro Henrique, do Coritiba, aos 38 minutos: Botafogo 1 a 0.

LUÍS OYAMA

Com a saída do lateral-esquerdo Jonathan Silva no time botafoguense, aos 13 minutos do segundo tempo, alguns poderiam até imaginar que o treinador Enderson Moreira estaria inventando ao recuar do atacante de beirada Warley à posição, e com isso propiciasse a entrada do volante Luís Oyama.

Sábia decisão de Anderson. Oyama não só fez dobra de marcação pelo setor, como explorou o seu vigor físico para ajudar no desarme por dentro e até avançou.

Se o Coritiba entrou no segundo tempo com mais volume de jogo, deixando o Botafogo acuado em seu campo defensivo, eis que a mexida no xadrez de Enderson serviu para restabelecer o equilíbrio na partida.

Parabéns.

Enderson Moreira fez coisas na noite desta sexta-feira, na capital paranaense, que o saudoso Cilinho fazia constantemente.

  • Carlos Agostinis
    30/08/2021 04:47

    Bom então se trocar pra todos que jogam contra a Ponte e ser misto, pode me incluir nessa. O Mabilia, saiba você que adoro pão com mortadela e tubaina, mas eu pago pra isto, não fico em rua adorando comunista. Quanto as feias e bonitas nunca tive preconceito, nem preta nem branca também, sou casado com um negra. Eu estudei no Geny Rodrigues, Vitor Meireles e bento Quirino, havia sim os grupos mistos, feias bonitas etc..

  • Carlos Agostinis
    30/08/2021 04:47

    Mas tinham sim as feias maldizendo as bonitas, e nosso amigo João se enquadra certinho na alusão, afinal ele não perde a chance de alfinetar o Bugre pra esquecer do inferno astral que está a macaca querida..bom só tem uma macaca mesmo, então só pode ser a mais querida né. Quanto a sapatao pra mim tudo que uma sapatao gosta eu adoro...mas valeu a brincadeira. É disso que precisamos aqui.. abraço

  • Mabilia
    29/08/2021 19:59

    O Agostinis gosta das feias e das sapatas, kkkk No colegio, Culto a Ciência tinha uma mulata espetacular que morava na Vila Teixeira --- SOFIA --- amei! imagina para que time torcia? Jamais uma mulher como essa trairia a nossa querida macaca. Oôôôô João que manda em Campinas é a Nega Véia, manda o Agostinis dia 12 comer pão com mortadela e tubaína e mais 5 reais kkkkk

  • TIO LEI - I
    29/08/2021 17:24

    O jogo de logo mais em S. Januário está sendo encarado como verdadeira "decisão" pelo clube cruzmaltino.Lisca Doido, que de doido não tem nada anda "fulo" da vida após tres derrotas consecutivas, resultados estes que mexeram com os ânimos dos torcedores de clube. Pixações com frases ameaçadoras pautaram esses dias lá pelas bandas vascainas.Portanto é de se esperar que o Vasco venha " com tudo e mais umpouco" pra cima da NOSSA MACACA QUERIDA. Lisca sabe de cor e salteado ...

  • TIO LEI - II
    29/08/2021 17:23

    ... a maneira como o GeKa trabalha, sabe perfeitamente da "Moisés dependência" que ostentamos, portanto, a não ser que consigamos "amarrar e segurar" um 0X0 até uns 20 min. DO SEGUNDO TEMPO, quando então baterá o tal do "desespero", e aí, poderemos até "sonhar" com um resultado satisfatório, mesmo que seja um simples empate. Nosso time já demonstrou ser FRACO DEMAIS DA CONTA, portanto não nos dá esperanças para acreditarmos em resultado positivo.

  • João da Teixeira
    29/08/2021 17:22

    Vitórias de Náutico, Vasco e CRB são péssimos para o bugre e só a vitória do Vasco é péssima para a Ponte, por motivo óbvio. Hoje o Sampaio fez a sua lição de casa e tbém ferrou o bugre. Era esperado isso. Não adianta chorar. Tô achando que o Felipão Scolari não resiste mais uma rodada de resultado negativo. Ôoo técnico ultrapassado... vai tomar um vinho na sua vinícola, vai!

  • João da Teixeira
    29/08/2021 17:17

    Essa foi boa, me fazer lembrar em pleno sábado a noite de paqueras de meninas bonitas e feiosas do colégio. Independente de feias ou bonitas, as fantásticas meninas normalistas na grande maioria. Tempos bons e não me lembro de tanta siglas com letras, era homem ou viado e mulher ou sapatão e qdo saia do armário, bem entendido. Agostinis, o negócio é tirar uma mesmo, meu time não vale nada, qto mais rápido passar a nossa via dolorosa, num sarrinho, melhor...kkk

  • João da Teixeira
    29/08/2021 17:14

    Ôooo Agostinis, no meu tempo de colégio, nunca teve grupos de de só mulheres feias e nem só de mulheres bonitas. Tanto porque as feias sempre estavam com uma ou mais menina bonita ou interessante, era instinto. Tanto que nós meninos, tirávamos no par ou ímpar quem iria ficar com quem. Lógico que num primeiro momento, já que quem ganhava no par ou ímpar, nem sempre conseguia segurar o rojão com a bonita. Mas as feias é bonitas andavam misturadas. Assim como vcs no futebol, mistos

  • João da Teixeira
    28/08/2021 23:44

    Tiãozinho, o 7 de setembro tá chegando e o seu esquentando. O seu e de uma minoria apoiada em justiceiros corruptos. O cidadão tem a coragem de falar em ser o defensor da "democracia", qdo a boca pequena, sem saber que estava sendo gravado, fala que "ELEIÇÃO NÃO SE GANHA, SE TOMA!". 7 de setembro teremos que estar nas ruas, não importa onde, mas o verde amarelo nas roupas, nas mãos.... no coração!

  • Carlos Agostinis
    28/08/2021 23:43

    João Sá Teixeira é igual aquelas meninas feias que ficam falando mal das meninas bonitas, nos tempos de escola secundária. Ginásio e segundo grau pra quem não sabe. E nessa fase que a dor de cotovelo impera na aparência das meninas , sempre tinham aquelas rodinhas de fofoca , o grupinho das feias era sempre maior. Assim ele fala só Bugre sempre. O dor de cotovelo dos inferno.

  • Carlos Agostinis
    28/08/2021 23:41

    Falar.em dor de cotovelo , Sr Antônio também e outro, título fale são os de interior que vocês ganharam, põe estrela na camisa . Em 78 era mais difícil ganhar um título do que é hoje, Veja o bragantino vendido, é só ter dinheiro sobrando, monta um time com os melhores e pronto. Não sei sua idade , mas vai lá estudar as reportagens , como disse , o dor de cotovelo dos infernos, outro menina feia....

  • João da Teixeira 1
    28/08/2021 23:39

    Fico aqui comentando algumas coisas irrelevantes aos olhos de muito, mas falando sério, quais os setores da tabela classificatória de mais adrenalina? São nos extremos o G4 e o Z4, onde flui mais adrenalina dos dois não poderia dizer, talvez onde haja os 4 direramente envolvidos e outros tantos com chance de subir ou descer. Qdo. a coisa degringola, um ou mais times disparam na frente ou ficam muito na rabeira, a coisa perde a empolgação e adrenalina. Por enquanto a ponta do G4

  • João da Teixeira 2
    28/08/2021 23:36

    .. .Por enquanto a ponta do G4 me parece mais disputada, portanto mais empolgante. O Z4, devido o Confiança e o Brasil estarem mais atrás, me parece que tem adrenalina, mas nem tanto. Ficar em posicào intermediária deixa os times bonachão, sonolento, um saco, para quem quer que seja, torcedor, telespectador, mídia e até patrocinador. Ninguém quer... viu, bugre? Ou vai com eles ou vem com nós, escolhe...

  • João da Teixeira 1
    28/08/2021 19:10

    Poxa, pensei que vcs gostavam dos contos da vovó. É que vcs vivem contando coisas do passado, mais precisamente de 78, que achava os contos de mau gosto da vovó eram os seus favoritos. Desculpe, então vamos falar do presente, dos arrepios, terão que subir, mas acredito não serem unanimidades, deverão passar por muitos arrepios ainda, querem ficar na frente, né? Então terão que convive rr com os arrepios de fundação no cangote. Se não quiserem, já prá coadjuvante de campeonato

  • João da Teixeira 2
    28/08/2021 19:09

    .... Se não quiserem sentir arrepios, já prá coadjuvante de campeonato. Sim, coadjuvante, como vcs sempre foram no passado, de 1949 à 1977 no Paulista. Uns arrepios, como que vcs sentiram de 1970 até 1977 é salutar, deu até título pra vcs. Agora se não quiserem mais sentir arrepios, sejam dóceis, relaxem e gosem... como coadjuvantes. Se a pauleira for muita aí em cima, vem na nossa pauleira aqui em baixo. O que não dá, é ficar, como a vovó, fritando bolinho na intermediária...

« Anterior : [ 1 ] 2 : Próxima »
27
AGO
Montagem do questionável elenco da Ponte Preta tem tudo a ver com Fábio Moreno

A remontagem da equipe pontepretana, em pleno segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro, é um atestado da incompetência dos dirigentes na montagem do elenco.

E quem abusou do direito de errar em contratações de jogadores?

A coisa vem desde quando passou pelo clube o executivo de futebol Alex Brasil, que não deixou saudade.

E persistiu com o substituto dele, Alarcon Pacheco, que igualmente perdeu o crédito do torcedor.

FÁBIO MORENO

E já não se fala de outro responsável pelas contratações de jogadores que não estão à altura da Ponte Preta, que foi o então treinador Fábio Moreno, remanejado à função de coordenador técnico com a chegada do comandante Gilson Kleina.

Por sinal, última informação que se tinha de Fábio Moreno era de que havia entrado em período de férias, e já faz um tempinho.

Depois disso o assunto foi ignorado, sem se precisar se ainda está no gozo das férias, ou se voltou a trabalhar.

Teria sido demitido e a informação não foi passada?

Seja como for, a coluna sempre apontou que o profissional não estava devidamente preparado para quaisquer das funções no clube.

CONFIANÇA TOMBOU?

Ponte Preta tem lá os seus motivos pra acreditar em não mais correr risco de rebaixamento na competição.

Dos quatro que serão sacrificados, pelo que se observa o Confiança já assinou a sentença.

Nesta quinta-feira acumulou mais uma derrota, agora para o Goiás por 2 a 1, patina nos 13 pontos, e a tentativa de escapamento passa pela conquista de mais 32 pontos nos 17 jogos que ainda vai disputar.

Claro que o Confiança não vai ganhar nove jogos e empatar outros cinco daqueles ainda restantes.

Nesta projeção, seria permitido perder apenas mais três jogos, o que, convenhamos, é impossível.

TELEVISÃO

Quem manda na programação de jogos da Série B do Campeonato Brasileiro é a televisão.

Dê uma espiada na tabela com jogos desta semana. Tem bola rolando todos os dias, de terça a domingo, privilegiando o canal pago.

Logo, na vigência da nova regulamentação para transmissões de jogos pela TV, com autonomia do clube mandante para selar parcerias com veículos, de certo a coisa volte à normalidade.

  • COMUNICADO PARA ARIOVALDO ZANELLI
    28/08/2021 00:37

    Prezado Ariovaldo Zanelli, esta troca de farpas com o parceiro Tio Lei está extrapolando para caminhos que eu, como mediador das mensagens, tenho que evitar. O espaço é destinado ao futebol e eventualmente considerações sobre o momento político do país. Como o senhor avançou o sinal, muito a contragosto fui obrigado a congelar a sua 'BRABEZA'

  • ARIOVALDO ZANELLI 1
    28/08/2021 00:37

    SOBRE A PONTE PRETA, PRECISA FAZER 50% SOBRE 18 PARTIDAS FALTANTES. 7 VITORIAS / 2 EMPATES QUE CORRESPONDEM 50% ATUALMENTE ESTAMOS FALANDO SOBRE 45 PONTOS. VITORIA É MUITO IMPORTANTE PARA PERMANECER NA B. A PONTE PRETA FEZ APENAS 36,7%, CAMPEONATO ESTÁ MUITO COMPLICADO, TANTO PARA SUBIR COMO SER REBAIXADO. O TIME DA PONTE PRETA ESTÁ ENFRENTANDO UMA CRISE FINANCEIRA...

  • ARIOVALDO ZANELLI 2
    28/08/2021 00:37

    ... PRECISA PAGAR TOTALMENTE OS BAIXOS SALÁRIOS E MAIORES SALÁRIOS EM 3 PARCELAS CURTAS DENTRO DO MÊS. PRECISA PAGAR UM BOM BICHO. OBJETIVO É SALVAR A PONTE DA C. PRECISA DE UM NOVO PRESIDENTE COM CONHECIMENTOS DO FUTEBOL, BOM DIRETOR DE FUTEBOL, TECNICO DE PRIMEIRA LINHA. DO CONTRARIO IREMOS ACABAR CONFORME UNIÃO BARBARENSE. (FALIDO TOTALMENTE). AGORA É HORA DE UNIÃO, NÃO DE OPOSIÇÃO. SOMENTE O ASSUNTO SALVAR A PONTE PRETA DO PIOR.

  • TIO LEI
    27/08/2021 20:49

    Pois é Ari. Venho pautando sobre a montagem do elenco, antes mesmo que tivesse encerrado o Paulistão. Bem lembrado por você. O F. Moreno "zarpou"; continua de férias ou está "mordendo" quietinho atrás da cortina, heim? Você e o João da Teixeira já falaram tudo. A "troca" do alargão com A. Beasil, ficou "meio sinistra", não? Se analisarmos friamente, até parece que houve um "conchavo" entre as diretorias, por sinal, ambas INCOMPETENTES, se analisarmos a classificação de ambos.

  • Profeta da Tribo
    27/08/2021 20:48

    O fato é que esses 10 dias de intervalo do Guarani serão decisivos para o restante do campeonato. Se conseguirmos recuperar o Regis, descansar peças fundamentais como o Sávio e aproveitarmos bem os treinamentos técnicos e táticos, ganhando alternativas para os jogos e aperfeiçoando nosso modelo de jogo, podemos, sim, dar uma arrancada nesse segundo turno e entrar no G4 para não sair mais. Eis minha previsão: venceremos Náutico, CSA, AAPP e Remo.

  • Profeta da Tribo
    27/08/2021 20:47

    O Fortaleza é um tapa na cara do Guarani. Um time que ficou doze anos em divisões inferiores. Conseguiu se reerguer, está firme na primeira divisão e em terceiro lugar, jogando um futebol bonito. Como sempre defendo, futebol não é só dinheiro. É competência, é alegria, é humildade, é vontade de vencer. Eu ainda acredito em um Guarani grande novamente. Quem pega o Guarani cinco anos atrás e compara com hoje, nós evoluímos muito, a começar pelos salários em dia.

  • Profeta da Tribo
    27/08/2021 20:47

    Se o Bugre consegue a façanha de subir esse ano, 2022 será um ano de guerra: guerra para permanecer. É muito difícil, para um time que está há 11 anos longe da elite, voltar e se manter. Mas, deixando a emoção de lado e ficando com a razão, o que precisamos é ter humildade, recuperar nossos atletas, treinar bem nesse intervalo de folga e encarar cada jogo como uma final. Com muita humildade.

  • João da Teixeira
    27/08/2021 20:46

    Botafogo só leva o G4 do bugre se ganhar. Empatando, perde nos gols pró bugrino. Então bugrinos, secar Fogão, não é louça, não! Bom que não vai precisar fazer muita força para secar, joga com o líder no Couto Pereira, então é só dar uma soprada que está seco. O problema está amanhã, Náutico e Sampaio, me parecem favoritos nos seus jogos, mas como Ari fala, melhor não por a colher...

  • João da Teixeira 1
    27/08/2021 20:45

    Os Leões da Fabulosa tem uma mulher para cuidar, para chamar de sua. A Severa, a primeira mascote da Lusa, uma mulher guerreira e esperamos que não deturpem seu gênero, muito em moda nos meios esquerdistas. É uma mulher, mesmo, como se deve. Nada contra a gama de letras da sigla polêmica criada, que é um alfabeto inteiro criado de tipos de gêneros. A Severa foi criada em 1930, nas páginas de A Gazeta Esportiva, em uma charge. Compreender a história da mascote Severa da Lusa...

  • João da Teixeira 2
    27/08/2021 20:45

    Entender a história da mascote Severa da Associação Portuguesa de Desportos é resgatar uma parte da história do nosso futebol. Criada nos primeiros anos de vida da Lusa e retratada na "A Gazeta Esportiva", que já não existe mais, foi pioneira na publicação esportiva do Brasil, a Severa é considerada uma das primeiras mascotes femininas a representar um time de futebol, ao lado da sua “irmã”, a Cachopinha da Portuguesa Santista.

  • ANTONIO CARLOS
    27/08/2021 20:44

    Ari - que bom que ainda temos jornalismo profissional cono você que não tem medo da verdade. Você trouxe a baila o grande artífice dessa farsa chamada gestão do futebol na Ponte preta - Fábio Moreno! NUNCA o esqueçamos. Esse enganador, travestido de coordenador de futebol, deixará marcas inimagináveis no Majestoso.

  • João da Teixeira
    27/08/2021 13:13

    Torcedores do Santos pedem para o time não entrar em campo contra o Flamengo e levar W.O.: 'É melhor do que tomar sapecada' e por conseguinte ser desmoralizado. Tião, nossa Ponte ainda não chegou nesse ponto, mas não falta muito. PQP, seria o fim de todas as picadas que já trilhei na minha vida, nunca vi nada parecido. Somos guerreiros ou um saco de merda? Espero nunca acontecer isso, para mim isso é acabar com o moral do time. Nunca mais torceria para um time que fizesse isso.

  • João da Teixeira
    27/08/2021 13:11

    Assim como na Libertadores, o Fluminense mostrou que não tem time para chegada. Perdeu de 1x2 no Rio e só um milagre com chá de Laranjeiras vai ajudar o Flu em Belô. Guerreiro o time é, mas falta aquele algo a mais de time campeão... Acho o jogador Hulk melhor que alguns jogadores da atual seleção brasileira. Faz um pivô como ninguém é chuta muito. Poderia voltar que tem camisa para ele.

  • João da Teixeira
    27/08/2021 13:10

    Ari, estão gastando mais para consertar o time do que na montagem do elenco inicial. Remendos e mais remendos. Outra, vcs esqueceram que o Alarcon Pacheco veio do Vitória para cá e o Alex Brasil foi daqui para lá. Para mim foi uma permuta, apesar do Tio Lei sempre falar de contratação via CV por fax. Agora, se o Alex Brasil está mesmo no Vitória, onde está o Vitória mesmo na classificação? Ambos os times trocaram 6 por meia dúzia em termos de gerência de futebol, 2 come e dorme

Confiram as Postagens Anteriores:

1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14 
 

Jornalista esportivo há 40 anos. Trabalhou, como jornalista, nas emissoras de Rádio Brasil, Educadora, Central, Jequitibá e Capital (São Paulo). Nos jornais: Diário do Povo e Jornal de Domingo, ambos de Campinas, e editor de Economia e Opinião do Jornal Todo Dia, de Americana.

Fale comigo