20
JUN
Que tal se Guarani e Ponte copiassem o portal da transparência do Santos?

O Santos F.C. anunciou a implantação do ‘portal da transparência’, de forma que através da internet seja possível qualquer pessoa acompanhar a movimentação financeira da agremiação.

Atitude louvável do clube, que deveria ser copiada por aqueles que se propõem escancarar a contabilidade, de forma que seja página sem rasura. Afinal, são os torcedores a razão da existência dos clubes.

Alô ‘cartolada’ de Ponte Preta e Guarani: que tal a cópia desse singular exemplo?

Claro que o Santos ainda não esmiuçou como serão as planilhas de cada departamento, principalmente o futebol.

Abdalla acompanha Copa na Rússia
Abdalla acompanha Copa na Rússia
Seria acreditar em Papai Noel se os dirigentes se dispuserem detalhar salário de cada jogador e membro da comissão técnica, com respectivo acréscimo dos direitos de imagens.

Até a década de 70, salário de jogador interessava à Receita Federal, mas igualmente a toda coletividade de cada clube.

SALÁRIOS REVELADOS

Seria história da carochinha se nós, repórteres da década de 70, não testemunhássemos atletas responderem com naturalidade perguntas sobre valores de salário e luvas que fazíamos, quando da renovação de contrato.

E mesmo quando havia impasse para acerto, a diferença entre o pedido para o oferecido era citada sem protocolo.

Foi uma época em que a principal fonte de renda dos clubes era bilheteria e, consequentemente, o atleta não recebia salário desproporcional à realidade brasileira.

DINHEIRO POR FORA

O mundinho do futebol foi e continua obscuro. Rola dinheiro por fora (os tais não contabilizados), cujo destino pouca gente toma conhecimento.

Outrora dinheiro de clube de futebol era rifado por atitudes inconsequentes de comandos.

Numa viagem por esse Brasil afora, por exemplo, conselheiros ou pessoas próximas a dirigentes eram convidadas para acompanhar delegações, custeadas pelo clube, visto que excediam o número de pessoas bancadas pela CBF.

Portanto, o futebol é uma caixa preta. Rola muito dinheiro, na maioria das vezes sem que a prestação de conta observe entrada e saída de cada centavo.

  • João da Teixeira
    22/06/2018 12:02

    Vou desligar do meu quadro de funcionários o meu corretor. Se da palavra Caballero, ele passou para as palavras Cabal Letônia, é sinal que o danado não serve para nada. Enfim, o goleiro Caballero entregou aquela bola, mas se fosse um brasileiro no lugar do croata, iria "matar" a bola, "carimbar" a mesma e tentar driblar o goleiro argentino apocalíptico para fazer o gol, se fizesse, hein? O jogador croata Rebic nem dominou a bola, do jeito que interceptou, já mandou de voleio

  • João da Teixeira
    21/06/2018 19:43

    Caballero do Apocalipse, foi que vimos hoje. Se já estava difícil, qdo o Cabal Letônia entrega aquele gol, abrindo a porteira para a goleada, já que obrigou a Argentina sair no desespero, atrás do resultado positivo e a Croácia ficou a "caballero" para decidir o jogo. A Argentina tem chance, mas tão ínfima, que será mais fácil derreter todo gelo da Islândia do que a Argentina se classificar. E olha que tem um vulcão lá, o famoso Eyjafjallajökull...

  • ARIOVALDO ZANELLI (1)
    21/06/2018 16:01

    A SITUAÇÃO DA PONTE PRETA ATUALMENTE É UMA VERGONHA. TEMOS UM PROFISSIONAL DO DEPARTAMENTO DE ESPORTES QUE NÃO SABEMOS O SEU PARADEIRO. O NOSSO PRESIDENTE FALA E FALA, TODA VEZ, QUE A PRIORIDADE NA PONTE É UM CENTRO AVANTE, MEIA CAMPISTA, O CAMISA 10 E UM VOLANTE, TODOS DE PRIMEIRA LINHA, TODOS OS TIMES ESTÃO ACHANDO NO MERCADO E REFORÇANDO O TIME, O TEMPO PASSA E NADA...

  • ARIOVALDO ZANELLI (2)
    21/06/2018 16:01

    ... E A TORCIDA AGORA VOLTA A ENTRAR NO CAMPO, E AGORA MEU AMIGO BRIGATTI ESTÁ FALANDO MUITO E FAZENDO POUCO. CONFORME ESTATISTICA NO MOMENTO ESTÁ ASSIM: ACESSO 4,2%. A BOLA QUE ESTÁ JOGANGO NÃO SOBE, SÓ MILAGRE, REBAIXAMENTO 12,7%. É MAIS FÁCIL SER REBAIXADO PARA C. TORCEDOR DA PONTE ESTÁ CHATEADO COM O TIME, DIRETORIA DE ARAQUE, DEPTO DE FUTEBOL NÃO EXISTE, FALTA DE COMANDO, NÃO TEM DINHEIRO, FALIDO...

  • ARIOVALDO ZANELLI (3)
    21/06/2018 16:00

    ... NÃO TEMOS O QUE FALAR MAIS, POIS O ASSUNTO É SEMPRE O MESMO. MEU AMIGO PRESIDENTE, FAÇA UMA RENUNCIA URGENTE, E UM COLEGIADO PARA ASSUMIR O FUTEBOL. POIS SERIE B ESTÁ MUITO FÁCIL. PARA SUBIR COM POUCO INVESTIMENTO SOBE TRANQUILO.

  • Profeta da Tribo
    21/06/2018 15:49

    O Guarani, todos sabem, sofreu com várias administrações ruins e, provavelmente, desonestas. Agora, acredito que tem havido honestidade por parte dos dirigentes, mas falta um pouco mais de competência. Espero que eles possam se aprimorar. Com muita humildade, o Bugre pode retomar o caminho das glórias. Já estamos retomando. Falta apenas um degrau para a elite, e, aí sim, vamos sonhar alto, com humildade, mas com alegria, pois isso é Guarani!

  • Profeta da Tribo
    21/06/2018 15:48

    Já o caso na AAPP é complicado. A diretoria passou os últimos anos mentindo. Falava-se muito de excelência na gestão, de orçamento controlado, etc. E o que se viu? Atrasos salariais, processos trabalhistas, montagem de times ridículos, etc. Era tudo mentira. Tudo enganação. AAPP é assim: o time que sempre engana. O torcedor acha que é bem administrado, é mentira. Acha que o time vai engrenar, é mentira. Acha que finalmente será campeão, é mentira. Dureza torcer para AAPP!

  • RMaia
    21/06/2018 15:47

    Ontem na reunião do Comitê Gestor do Santos, o presidente e o vice quase saíram no braço por causa de uma lista de demissão que incluía apoiadores políticos de ambos, coisa brava tanto que nem chegaram a discutir a demissão do treinador Jair Ventura. Será que a tal transparência mostrará que o presidente é empresário de jogadores? Ou quem são os 12 jogadores que o Santos paga R$ 665 mil mensais (8 milhões/ano) de salário pra jogarem por empréstimo em clubes adversários?

  • Paulo Sergio 1
    21/06/2018 15:47

    Fala Tio Lei, blz ai? Então, eu sou um que gosta do trabalho do Brigatti, entenda, quando eu defendo ele é no sentido profissional, suas qualidades como técnico na questão da armação do time e das mudanças tanto de jogadores como táticas, porém ele não tem culpa de ter o time que tem nas mãos, nem banco ele tem!! e ele já herdou isso ai, não foi ele que montou/contratou esse apanhado!! concordo em gênero numero e grau com você que ele...

  • Paulo Sergio 2
    21/06/2018 15:46

    Que ele deveria por a boca no trombone mas, aí já são outros quinhentos pois, nunca vi na história do futebol técnico algum fazer isso. Mesmo sendo o pontepretano que ele é não iria se expor a esse ponto tanto com diretoria quanto com jogadores, a troco de que?? agradar torcida? a torcida vai dar emprego a ele? vai pagar suas contas? Certa vês um técnico da Ponte me disse "Não há nada mais podre nesse mundo que o futebol" e eu brincando respondi " mas vc não sai, né?

  • João da Teixeira
    21/06/2018 15:45

    O Santos é ainda o time Paulista que mais revela jogadores e que com isso, dá retorno ao clube. Talvez seja devido as praias, que é um celeiro de jogadores para o time praiano. Acaba todo mundo praticando o futebol no final de tarde, misturando a população local com a população flutuante de turistas paulistanos nas peladas que acontecem. Além do que o futebol é a motivação para tomar a cervejinha e depois um banho de mar no final de tarde. Aqui no interior, a coisa está "osso"!

  • João da Teixeira
    21/06/2018 15:44

    Queria entender como os matemáticos fizeram os cálculos para as chances de resultados no caso da Rússia. É que a Rússia vem sendo um caso a parte, venceu de goleada os seus dois jogos e vinha desacreditada para a Copa. Tá certo que pegou uma galinha morta, caso da Arábia e uma múmia paralítica, caso do Egito. Tanto que ambos já estão no galinheiro e no sarcófago para irem para casa. No casos da Rússia, o retrospecto não está valendo de nada para as previsões dos matemáticos.

  • TIO LEI (1)
    21/06/2018 00:04

    KKKKK Não é preciso ser adivinho, "profeta", ler as cartas ou ter bola de cristal. As coisas na NOSSA AMADA PONTE PRETA acontecem, sem nem mesmo precisarmos aguardar o futuro. Alguém se lembra das declarações do Brigatti, quando ele assumiu o comando técnico? Pois bem, basta olharem o que escrevi QUANDO DO INÍCIO do campeonato, e depois REFORCEI quando ele "tomou posse", sobre: "Pouca grana e NÃO HA PEÇAS DE REPOSIÇÃO NO MERCADO. Vejam sua entrevista e tirem suas conclusões.

  • TIO LEI (2)
    21/06/2018 00:03

    ... Dormiram no ponto e o bonde passou. Sempre reclamei que demoravam em demasia para entabular uma negociação. Sempre discursei sobre o tempo passar e só trazerem "amebas". Sempre falei que as desculpas viriam com a "falta de $$" e que com o passar do tempo, os jogadores disponíveis iam "se arranjando", aí viriam com a desculpa de que "NÃO HÁ PEÇAS DISPONÍVEIS NO MERCADO". E ainda existe quem defenda o Brigatti nessa história toda. Ah. Me poupem, vai.

19
JUN
Guarani foi do inferno para o céu de um tempo para outro de partida, contra o Avaí

Empate por 1 a 1 de Ponte Preta e CSA foi postado logo abaixo

Coluna Cadê Você enfoca o ponteiro-direito Capitão, do Guarani. No Informacão, assunto é evitar agasalhos em cachorro.

A característica instabilidade do Campeonato Brasileiro da Série B proporciona mudança da água pro vinho em desempenho de uma equipe na mesma partida.

Quem diria que após covarde e paupérrimo futebol durante o primeiro tempo em Florianópolis, diante do Avaí, o Guarani tivesse atitude corajosa, objetiva e com capacidade para reverter desvantagem de 2 a 0 para 3 a 2?

Faltou ao Guarani apenas suportar a natural pressão adversária, e evitar o gol de empate quando construiu a vantagem. Assim, o placar no Estádio Ressacada apontou resultado de 3 a 3 na noite desta terça-feira.

As alternâncias no placar demonstram claramente um jogo dramático.

SÓ DAVA AVAÍ

Se o Avaí fosse para o intervalo com goleada de 4 a 0, não seria exagero.

Quando o lateral-direito Guga cruzou na cabeça do atacante Beltrán, que com leve toque colocou a bola na trave, aos seis minutos, o Guarani se assustou e se encolheu.

E quando conseguia recuperar a posse de bola, erros de passes eram contínuos entre seus jogadores, principalmente o lateral Pará e volante Baraka.

Logo, o predomínio do Avaí resultou em gol aos 25 minutos, em lançamento de Rômulo para Renato, que aproveitou o gol vazio, visto que o goleiro bugrino Bruno Brígido escorregou, caiu e falhou.

Todavia, ele se redimiu na sequência com duas defesas consecutivas, em finalizações de Beltrán e André Moritz.

Como o gol dos catarinenses estava maduro, saiu em lance de rara felicidade de Judson, aos 38 minutos, quando arriscou chute forte de longa distância e encobriu Brígido.

OUTRA HISTÓRIA

No intervalo, o irregular Baraka cedeu lugar para Bruno Nazário e foi visto um outro Guarani em campo, adiantando as suas linhas.

Como se dispôs a atacar, constatou vulnerabilidade na defensiva do Avaí, a começar pelo goleiro Aranha que, no primeiro minuto errou em saída de bola, presenteou Rafael Longuine, que perdeu gol incrível.

Quatro minutos depois, em cobrança de escanteio de Nazário, no primeiro pau, Caíque diminuiu a vantagem do adversário, assim como empatou aos 14 minutos, em jogada que começou com Kevin e teve participação de Nazário.

VIRADA

Aquilo que o mais otimista dos bugrinos jamais poderia prever era virada no placar.

Pois bastou o Guarani trabalhar a bola para envolver a marcação do time catarinense, e assim chegou ao terceiro gol através de Longuine, aos 20 minutos.

Foi o suficiente para bater o desespero no Avaí, que se lançou desesperadamente ao ataque.

Como o Guarani já havia perdido o zagueiro Edson Silva por lesão, sofreu o terceiro gol em cabeçada de Beltrán, assim como correu risco da derrota no penúltimo minuto dos acréscimos, quando Capa, do Avaí, na cara do gol, cabeceou a bola para fora.

Se o Avaí atingiu pontuação de G4 com oscilações em sua equipe, está claro que é possível o Guarani pleitear melhor desempenho na competição, com contratações de três a quatro jogadores que cheguem pra vestir a camisa.

  • João da Teixeira
    20/06/2018 17:15

    Então, a Ponte com esse time horroroso, não vai ter que se preocupar com suas peças após a Copa, pois quem vai querer esse sucateado elenco. Em contrapartida algumas peças do time bugrino vão ser requisitadas pelo mercado em outros times com mais din-din que os nossos e o Gfc poderá ter problema para reposição, como disse o Otto. Estamos a pão com banana! a Ponte com o time e o Gfc com as perdas de peças. Lamentável, meu caro Watson! Frase de Sherlock Holmes, by A.Christie.

  • João da Teixeira
    20/06/2018 17:14

    CR7, só dá ele! E Portugal, só tem ele! Espanha passando pelo Irã, vai ter mais chance de chegar em primeiro, já que o Marrocos já era para o próximo jogo. E Portugal, na última rodada, que se cuide, pois o mísero 1x0 no Marrocos, foi o que o Irã também conseguiu, então, se o Irã ganhar, classifica. Vamos ver o que vai ocorrer hoje com o Irã. Portugal é só o CR7. O Irã vai por um jogador com uma cimitarra afiada na mão para cuidar do gajo!

  • João da Teixeira
    20/06/2018 17:13

    Pois é, além de tudo, Portugal não mereceu, o Marrocos foi mais incisivo e consistente em relação à Portugal, mas não efetivo e isso lhe custou a eliminação da Copa (1º time que vai embora matematicamente). Como disse, Portugal é só o CR7 e hoje Rui Patrício e, por enquanto, precisa de mais? Bem, hoje não precisou, mas vai precisar daqui para a frente...

  • Profeta da Tribo
    20/06/2018 17:12

    Luiz Otto Heimpel, esse dito: "nossa defesa é um delivery, só entrega", foi genial! Muito engraçado, ri muito aqui, rsrsrs. Uma das regras básicas do futebol é que todo bom time começa com uma defesa sólida. E isso nós não temos. Conseguimos ter uma zaga pior que a do ano passado, com Jussani. Aliás, Jussani é titular absoluto do líder isolado do campeonato. Que coisa.

  • Luiz Otto Heimpel
    20/06/2018 09:31

    A reação foi digna de elogios,mas teve que ser buscada depois de um primeiro tempo horroroso. Nazário foi fundamental para a reação mas no final do mês ele vai embora. Sem contratações para entrar jogando vai ficar nesse limbo. Precisamos de reforços,nossa defesa ( excessão de Brígido apesar da falha) é um delívery ,só entrega e precisamos urgente um meia armador para suprir a eminente saída do Nazário.

  • Profeta da Tribo
    20/06/2018 09:26

    Ótima análise, Ari. A mudança de postura foi incrível. Se jogasse sempre como jogou o segundo tempo, estaríamos no G4 com facilidade. Não tem bicho papão nessa Série B. Nunca foi tão fácil subir. Acho que está faltando um pouco mais de confiança, coragem, ousadia. No terceiro gol, pusemos a bola no chão e as triangulações fluiram. Agora, por favor, Baraka no banco, urgente. Não está bem. E parabéns ao Longuine, está aparecendo, propondo jogo.

Confiram as Postagens Anteriores:

1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14 
 

Jornalista esportivo há 40 anos. Trabalhou, como jornalista, nas emissoras de Rádio Brasil, Educadora, Central, Jequitibá e Capital (São Paulo). Nos jornais: Diário do Povo e Jornal de Domingo, ambos de Campinas, e editor de Economia e Opinião do Jornal Todo Dia, de Americana.

Fale comigo