19
FEB
Cabe um voto de confiança à chegada de João Brigatti

Coordenador de futebol da Ponte Preta, Gustavo Bueno, não deixa de ter razão quando cita que a maioria concordou com contratações de jogadores feitas pelo clube para esta temporada, na remontagem do elenco. O lapso foi apenas generalizar, e isso é contado na postagem abaixo.

Como tudo caminha para que João Brigatti (foto) seja anunciado como treinador da Ponte Preta, como sucessor de Gilson Kleina, a questão que se coloca é qual estágio ele se encontra, após ter deixado o clube em setembro de 2018?

João Brigatti
João Brigatti
Que Brigatti é um motivador de elenco por excelência, ninguém discute.

Que manja sobre mumunhas de boleiro e sabe como contorná-las, também é fato comprovado.

O desafio dele é calar quem desconfia de seus projetos táticos sobre futebol, e não subestimem que tenha agregado novos valores nesta rodagem por Norte e Nordeste do país.

GOLEIRO

Por ter sido goleiro, que aos gritos orientava defensores com frequência, é natural se esperar que em curto prazo possa ajustar o sistema defensivo pontepretano.

Resta saber como vai desenvolver o trabalho para recuperar condição técnica de jogadores como Apodi e João Paulo, que sequer renderam aquilo que foi projetado, assim como provocar crescimento de produção das chamadas apostas.

Antes da cornetagem, senhores, aguardem!

  • TIO LEI P/ José Ricardo
    21/02/2020 12:52

    Então José Ricardo. Não me surpreendeu as declarações do pseudo diretor, o gustavinho. Já disse anteriormente: Agora ele ira dar "tempo" (só Deus sabe que tempo é esse), para o Brigatti "conhecer" o elenco para somente DEPOIS pensar "QUAIS AS POSIÇÕES CARENTES" necessitam de reforços. Ele falou o óbvio que os "bons jogadores" hoje já se encontram " empregados". Então, faltando SEIS RODADAS e com apenas DUAS vagas disponíveis, você acha que ele iria atras de alguém?

  • Jose Ricardo
    21/02/2020 09:36

    Tiãozinho já pediu demissão??? E o Gustavo Bueno já foi demitido???? Então pontepretano, comece a rezar., dias sombrios virão para a Ponte... Mesmo antes de contratar Brigatti como treinador, o suposto diretor de futebol da Ponte disse que não iria contratar ninguém mais pro paulistinha. Ele aposta que as bravatas do Brigatti vão fazer os pés de rato jogarem, coitado... Vamos ver se ele mantém a palavra, no caso de insucessos contra Ferroviária, São Paulo, Red Bull e o dérbi....

  • Marco da Macaca
    21/02/2020 09:33

    O guarani venceu o Palmeiras de goleada, ontem, ao perder só de 1x0.

  • Marco da Macaca
    21/02/2020 09:33

    Bem observado: Buuum de Ouro da Princesa...

  • Paulo Sergio
    21/02/2020 09:29

    Ontem foi divulgada a lista dos clubes MAIORES devedores à união. quem está entre os 10? GFC, claro, ontem também a FPF premiou os clubes com excelência em 10 quesitos, sendo Ouro, prata e bronze. A Ponte levou o ouro e $ 80.000 o gfc nem o bronze, apenas um agradecimento por ter participado.

  • TIO LEI ao parceiro MARCO DA MACACA
    20/02/2020 23:49

    Caro Marco. Só pra lembrar ... o Teixerão em S.J.Rio Preto tambem JÁ FOI palco de grandes eventos e hoje esta jogado às traças. NOSSO ESTADIO é modesto e aconchegante e com uma diferença ... ÉÉÉÉ NOOOOSSOOOO se for para demoli-lo será por que CONSTRUIREMOS uma nova arena, ao contrário daquele que já está fadado ao BUUUUMMMMM por CALOTE e que se não fosse uma juiza, teriam que mandar jogos, através de MUITO FAVOR no campo do Mogiana.

  • João da Teixeira
    20/02/2020 23:48

    Estava vendo a matéria sobre o jogo na Arena WTorre Alianz Park, da EPTV 2°edição, sobre o gramado novo e sintético da arena e observo a irrigação funcionando. Gramado sintético precisa ser molhado? Estranho se molhar grama sintética, deve fazer parte do novo esquema tático do Parmitão, deixar o "gramado" escorregadio. Joguei em campo sintético e a dureza para as articulações e a velocidade da bola são surpreedentes, mas o pior é que se vc escorregar nesse piso, sairá queimado.

  • João da Teixeira
    20/02/2020 23:47

    Estou assistindo o Wild e Coric, par de vasos em campo, pode? Se fossem mulheres, já iria sair briga antes mesmo de começar a partida. Não vejo chance do Thiago Wild ganhar esse jogo, o Croata é mais agressivo. Por analogia, vejo o Thiago Wild, a Ponte e o croata, nossos adversários, sem chance... Brigatti, vc está fundido!!!

  • João da Teixeira
    20/02/2020 23:46

    Nem vcs tiveram respeito com o seu estádio, na vejo porque toda essa bronca em falar do Brinco. Realmente o jornalista João Caetano Monteiro Filho, quando da apresentação de sua maquete, ter publicado a matéria no "Correio Popular" com o título "Brinco de ouro para a "Princesa'" estava iluminado nesse dia, foi feliz com a sua visão, mas vcs foram infelizes em perder o patrimônio para o cúrinthiano dono dos relógios. Isso custou caro para o patrimônio da cidade...

  • João da Teixeira 2
    20/02/2020 23:45

    ... Isso custou caro para o patrimônio da cidade, afinal os idealizadores modernistas assinaram também o Projeto da Riviera de São Lourenço, se não me engano... Vcs que deveriam ter mais respeito com as coisas de sua história... Relapsos, Eugênio, relapsos!!!

  • Marco da Macaca
    20/02/2020 23:45

    guarani é o 8.o maior devedor da União entre os clubes brasileiros: R$ 141,5 milhões (Fonte: Valor Econômico)

  • Marco da Macaca
    20/02/2020 23:44

    . Federação Paulista de Futebol (matéria do site Globo Esporte): A. A. Ponte Preta fatura o prêmio Ouro (R$ 80 mil) de Gestão 2019 junto com outros 11 clubes igualmente premiados. . 5 clubes receberam o prêmio Prata. E outros 12 clubes receberam o prêmio Bronze. O guarani e outros 5 clubes não foram premiados, só receberam um certificado de participação.

  • Eugenio
    20/02/2020 18:26

    Caro Marco, so pra lembra-lo q o Brinco de Ouro ja foi palco de decisoes de camp brasileiro (3), paulista (2), jogos da Libertadores, da Seleçao brasileira. E o estadio do seu time ? Mais respeito ao falar do Brinco.

  • CADEPÁ PARA MARCO DA MACACA
    20/02/2020 18:25

    Pois é seu Marco, o cara só quis aparecer, a todo custo, péssimo profissional, homens tem que dar exemplo, não incitar violêcia, ele e sua família correram riscos. Este do Brasil jogando no Brinco não me lembro, lembro em um derby, o inveja recalcada desse moço em relação ao Guarani hein! e que Bugre tínhamos!

  • Marco da Macaca
    20/02/2020 14:44

    João Brigatti foi campeão paulista do interior com a Ponte Preta (2018?). Mas brilhou intensamente no dia 05 de maio de 1990, no Brinquinho Dourado da Princesinha. Jogavam seleção brasileira contra a Bulgária de Stoichkov. João Brigatti se consagrou já ao pisar no gramado com uma linda bandeira e carrega-la até o grande círculo. Nesse dia, Brigatti ofuscou Taffarel, nosso Jorginho, Aldair, Ricardo Gomes, Mauro Galvão, Branco, Silas e Muller. Brigatti saiu do jogo como o grande herói.

« Anterior : [ 1 ] 2 : Próxima »
19
FEB
Alô Gustavo Bueno: erro que assumo foi cravar Guilherme Lazaroni

Evidente que Gustavo Bueno (foto site oficial da Ponte Preta), coordenador de futebol da Ponte Preta, tem parcela de culpa pelo atual estágio do clube, mas fez questão de lembrar, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, que imprensa e torcida manifestaram-se favoravelmente sobre montagem do elenco.

Convenhamos que avaliação do torcedor é superficial em contratações, até porque não tem obrigação de acompanhar cotidianamente jogos de futebol.

Quanto a imprensa, o único lapso de Gustavo Bueno foi generalizar na observação.

De certo ele sabe de cor e salteado quem aplaudiu as contratações e agora recuou a mão.

Errar, seja quem for, faz parte do contexto, principalmente tratando-se de contratações de jogadores da Série B, que oscilam bastante. Do contrário estariam na Série A.

Já que o sagrado bordão da coluna não foge do 'é, é; não é, não é', meu equívoco de avaliação eu assumo.

LAZARONI E APODI

Citei textualmente que o lateral-esquerdo Guilherme Lazaroni teria rendimento superior aos antecessores Guilherme Guedes e Diego Renan, mas tem-se mostrado inferior a Diego Renan.

Na passagem pelo Sport, Lazaroni não mostrou deslize na marcação, e se projetou ao ataque como opção de continuidade de jogadas, fazendo basicamente o trivial.

Cravei o polivalente Apodi, vindo do CSA, como reforço.

Reconheço que ele está devendo, mas ainda vale uma aposta nele.

JOÃO PAULO

Sobre o meia João Paulo, confessei desconhecer as suas características. Ao recorrer a vídeo no youtube, citei que seria um 'achado' para a Ponte Preta, e não mudei o conceito apesar de o jogador não ter demonstrado 30% daquilo que foi constatado.

Claro que edições de vídeos no futebol observam o positivo e relegam o negativo, mas não dá para montar tantos lances de gols de fora da área até com a canhota, embora seja destro. Isso além das assistências.

CLÉBER REIS

Perguntei que Cléber Reis a Ponte Preta estaria emprestando?

Seria aquele que fazia um risco nas imediações de sua área e o adversário não passava? Ou seria o Cléber atleticamente em precária forma física, com quilinhos a mais que tiraram-lhe a velocidade pra cobertura nos lados do campo?

E acrescentei: na incerteza sobre o Cléber que vem aí, a prudência indicava que os dirigentes da Ponte fizessem contrato de risco, com ganho proporcional ao rendimento.

ÍNDIO E ALISSON

Por ter acompanhado partidas do Operário de Ponta Grossa (PR), fiz referência sobre lgumas atuações convincentes de Índio - que passou a ser identificado como Bruno Reis - contrastando com outras de rendimento reprovável .

Se em alguns jogos mostrou intensidade, capaz de fazer o cobrado vaivém do segundo volante, em outros abusou dos erros de passes.

Sobre o zagueiro Alisson, abstive-me de opinar apesar de tê-lo visto em campo em atuações discretas.

MATHEUS ANDERSON

Vi Matheus Anderson em pedaço de jogo pelo Cuiabá, na vitória sobre o Guarani por 2 a 1, em outubro passado, e o caracterizei como jogador correria e sem definição de jogadas.

E questionei: por que o Vila Nova (GO), que carecia de força ofensiva, não quis aproveitá-lo quando do regresso do empréstimo ao Fierense de Portugal?

SAFIRA

O alerta em relação ao atacante Alisson Safira foi sobre o retrospecto de poucos gols.

Escrevi que era o 'o típico jogador aposta com características de dribles, mas o drible pelo drible não conta.

O driblador se completa se tiver capacidade de concatenar jogadas, para que haja fluidez e complemento no ataque'.

APOSTAS

Sem que tivesse critério para avaliar os demais contratados, evitei rotulá-los de reforços.

Preferi enquadrá-los no circuito de apostas, mesmo ciente que alguns deles são bem rodados no futebol, e com folha de serviço para ser avaliada.

  • TIO LEI - I
    20/02/2020 14:43

    Com exceção ao Apodi, preferi não opinar quanto às contratações feitas pelo incompetente gustavinho. Até ao Klebão, fiquei "na minha", pois se ele vem sendo repassado de um time para outro e na maioria das vezes pela Série B, já é um indício que seu futebol decaiu muito. Mais estranheza me causava quando via que alguns dos contratados pertenciam ao grupo de empresários da Tombense. O problema é agora o gustavinho da deu inicio ao seu famoso discurso ...

  • TIO LEI - II
    20/02/2020 14:42

    ... que devemos aguardar a chegada do novo treinador para que de tempo d'ele observar os jogadores que ele terá em mãos, para depois detectar (como se ninguém sabe) quais as carências do plantel, alem de ja usar a não menos famosa frase de que: as boas peças já se encontram "empregadas". Lembrando que restam apenas SEIS rodadas para o termino da primeira fase do Paulistão, e que diferentemente de se falar em classificação, primeiro temos que fugir do rebaixamento.

  • João da Teixeira
    20/02/2020 14:35

    Gustavo Bueno caiu de paraquedas na Ponte, pelas mãos do Carnieri. Por sinal, Dicá poderá passar de ídolo a vilão, sem mesmo estar diretamente ligado ao futebol da Ponte. GB foi colocado lá como se fosse em agradecimento ao Mestre e desde então tem sido um pesadelo para a nação alvinegra. Conhece de bola porque comeu porpetas, como cita vez por outra o Ari. Pior, insistem com ele mesmo pondo os pés pelas mãos por diversas vezes. Não duvido que a montagem do elenco foi toda sua

  • João da Teixeira
    20/02/2020 14:34

    Como não vão contratar mais ninguém, corremos o risco de cair, se o novo treinador não achar uma fórmula mágica de interagir os compartimentos de defesa, meio e ataque. Por sinal, nosso "ataque é de risos", diverte todos nossos adversários. Sem o mínimo de interação, o futebol da Ponte é presa fácil. O Ituano, o horror do campeonato junto com o Botafogo, deitou e rolou em cima do nosso time. Nosso ataque precisa ser menos covarde e mais contundente, ser vertical em relação ao gol

  • João da Teixeira
    20/02/2020 14:34

    Sou cético com relação ao Brigatti, ainda acho que Santo de Casa não faz Milagres, ainda mais que não conhece a maioria do atual elenco. Sendo assim, como vai vencer e convencer os jogadores a apoiá-lo nessa empreitada. Não pode haver erro, "corda no pescoço", se chutarem a cadeira, é "caixa prego". O nosso grupo está sendo uma mãe para nosso time, é só acertar e até podemos classificar. Se não classificar, pelo menos equilibrar o jogo no derby, porque hoje, perderíamos...

Confiram as Postagens Anteriores:

1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14 
 

Jornalista esportivo há 40 anos. Trabalhou, como jornalista, nas emissoras de Rádio Brasil, Educadora, Central, Jequitibá e Capital (São Paulo). Nos jornais: Diário do Povo e Jornal de Domingo, ambos de Campinas, e editor de Economia e Opinião do Jornal Todo Dia, de Americana.

Fale comigo