21
JUL
Blog do Ari: Que a Ponte não erre mais na escolha do sucessor de Dado Cavalcanti!

Caiu o treinador da Ponte Preta Dado Cavalcanti e a principal fala no clube nesta segunda-feira foi do diretor de futebol adjunto Pedro Nicolau: “Não podemos errar mais”, quando indagado sobre o substituto.

Não se contrata treinador por ouvir dizer. É preciso avaliação criteriosa no trabalho do profissional, e isso não foi feito quando trouxeram Dado Cavalcanti, ainda muito inexperiente.

Pior é que Dado não admite que precisa aprender muita coisa no futebol. Humildemente deveria aceitar ingerência até na escalação da equipe.

O jornalista Elias Aredes Júnior apurou, através de suas fontes, que Dado bancou a escalação do atacante Cafu contra o Avaí, mesmo com rejeição de integrantes do Departamento de Futebol.

Os erros de Dado vão de escalação do time a conceituações técnicas e táticas. De certo, quando os cabelos esbranquiçarem trocará a arrogância pelas evidências.

Os erros dele foram sobejamente elencados aqui e bastaria que os reconhecessem para evitar tais divergências com integrantes do Departamento de Futebol.

Ele escala a Ponte com três volantes contra a retrancada Lusa, o time perde criatividade no meio, não são trabalhadas adequadamente jogadas pelos lados do campo, e ele não quer ser cobrado?

A rigor, se os homens do futebol da Ponte estivessem bem ‘antenados’ a demissão do treinador teria ocorrido ainda no transcorrer da Copa do Mundo, tempo em que claramente o time não foi trabalhado conforme o esperado.

ZONA MORTA

Disse e reafirmo que jogador ao domina a bola desmarcado na zona morta do campo, não pode ‘penteá-la’ com meia dúzia de toques desnecessários. Isso não é exemplo de um time bem treinado.

Na zona morta, ao receber a bola sem marcação, o boleiro não precisa mais de que dois toques para fluxo vertical à jogada.

Pois contra Lusa o que se via é o boleiro da Ponte pensar no destino da jogada apenas após o receber o passe, e na zona morta.

Claro que as dificuldades para definições das jogadas são lógicas à medida que os jogadores se aproximam da área adversária, quando o bloco de marcação adversária é mais consistente.

Pra encerrar o capítulo Dado Cavalcanti, resta saber se imprudentemente os cartolas da Ponte Preta projetaram pagamento de multa com a demissão do treinador. Aí, meu caro, é jogar dinheiro fora.

Oxalá tenha ocorrido desligamento amigável, como cita o portal da casa. E que este amigável não seja sinônimo de multa, como erroneamente já ocorreu no desligamento do treinador Guto Ferreira.

ARRUMAÇÃO

Que o sucessor de Dado saiba como aproveitar melhor o lateral-direito Daniel Borges. Como ele tem força pra arrancar com a bola, por que não se trabalhar para minimizar a deficiência técnica dele nos cruzamentos? Por que não se programa triangulações ofensivas pelo setor? E que o novo treinador acabe com a farra de Daniel Borges ser o homem da bola parada da Ponte.

Na ausência de melhor opção na lateral-esquerda, não seria descartável o deslocamento do volante Juninho por ali. Ele tem velocidade para ser condutor de bola e sabe cruzar.

O novo treinador tem que diagnosticar rapidamente porque o atacante Edno perdeu força para o arranque e entender que não é normal a queda de rendimento até físico do atacante Alexandro. E, evidentemente, detecte logo que Cafu não pode ter camisa no time. Pode e deve ser preparado como opção de velocidade no banco de reservas.

  • Alexandre para Ari e internautas do blog
    22/07/2014 19:44

    Ari meu pai faleceu recentemente e sei q ele está com Deus ! Venho aqui só pra te agradecer pq fiquei noites e noites no hospital c/ ele, mas como eu não podia dormir pra ficar atento à ele, o q me distraía todas as noites era a Bíblia e o seu blog! Lia e relia seus comentários e as mensagens dos internautas! me divertia c/ as briguinhas entre pontepretanos e bugrinos e refletia sobre grandes reflexoes da galera! Obrigado Ari por esta ferramenta e por sua companhia! Obrigado a todos!

  • Alexandre
    22/07/2014 19:43

    Ari, o time da Ponte não é tão ruim assim! podem não ser grandes craques mas são bons jogadores p uma série B ! Precisamos de um meia, inclusive vc sempre alertou q Adrianinho nao resolveria o problema! Mas até times da série A estão procurando um camisa 10 ! Por isso acho q a Ponte deveria fazer um esforço para contratar Caja ou Lucio Flavio ! Qto ao treinador sugiro Silas - um treinador moderno, sério, c/ experiencia nacional e internacional q fara um trabalho medio/longo prazo

  • Bob Strong
    22/07/2014 12:18

    Já estávamos com saudade desta Tribuna , pincipalmente para comentar da "Nega Veia". Perdemos 40 dias de preparação para série B. Só se falava de Cajá e Elias e no final ficamos sem meia e sem treinador... Tomara que o escolhido consiga dar o mínimo de padrão à equipe. Como dizem que não há pressa para contratar, o que nos espera não é nada animador. Estamos no meio da tabela e para irmos ladeira abaixo é um pulo. Tomara que esteja errado.

  • Denilton
    21/07/2014 22:32

    Caro Ari: PONTE sem dinheiro e sem time, rumo a série C.kkkkkkkkk

20
JUL
Blog do Ari: Venda de todo Estádio Brinco de Ouro é o assunto em pauta. Você concorda?

Este negócio de Série C do Campeonato Brasileiro é complicado. Não consegui assistir esta partida em que o Guarani empatou com o Mogi Mirim sem gols no campo do adversário, na noite deste domingo, mas outro assunto tão ou mais relevante precisa ser discutido pelo torcedor bugrino.

Antes da partida em Mogi Mirim, em entrevista à Rádio Bandeirantes-Campinas, o presidente do Guarani, Álvaro Negrão, sinalizou que todas as propostas para venda do Estádio Brinco de Ouro nada tem a ver apenas com o entorno e sim toda a área.

A rigor, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Social e Turismo de Campinas, Samuel Rossilho, já havia antecipado no programa ‘Jornal Gente’, da Rádio Bandeirantes-Campinas, que o projeto de novo viário naquele local implicaria em o clube se desfazer de todo patrimônio, mas na época o assunto deixou de entrar na pauta da mídia, embora devesse.

Agora a discussão terá que ser aprofundada porque se caracteriza como outra situação para o torcedor bugrino. O presidente Negrão terá muita coisa a explicar com este novo quadro, que contrasta com posição dele quando assumiu o clube após renúncia do presidente Marcelo Mingone. Na ocasião, Negrão afirmou em alto e bom tom que a venda se restringiria apenas ao entorno do estádio, fato que provocou convergência de opiniões.

Se o Guarani vai se desfazer de toda a sua área, é preciso certeza de que outro estádio realmente será construído. Qual o local? E o custo? Há prazo estabelecido para a entrega? Onde serão mandados jogos do clube durante o processo de construção do novo estádio? Qual a certeza de que tudo sairá conforme cronograma traçado, considerando-se que o proposto inicialmente era venda apenas do entorno do Brinco de Ouro?

O torcedor bugrino merece resposta imediata de todas estas questões, antes que o processo de venda do patrimônio seja consolidado.

  • Alexandre para Denilton
    22/07/2014 19:43

    Sou pontepretano e concordo com o q vc falou! A imprensa exige muito dos times de Campinas !

  • Denilton GFC
    21/07/2014 22:32

    Caro, Ari: Vou resumir minha opinião sobre o jogo e a venda do Brinco. Mogi 0 x 0 GFC resultado bom para somar ponto fora de casa, jogo de série C onde o Bugrão foi melhor e merecia vencer, porém alguns comentaristas de rádio acham que o GFC é o Real Madri e iria atropelar todos os adversários (bem menos). Já a venda do patrimônio é para pagar dívidas e se o GFC tem estas dívidas tem que pagá-la e construir um estádio modesto e se tornar um clube viável financeiramente.

  • EDMAR
    21/07/2014 20:54

    Caro ARI esta noticia que seria venda total e nao mais somente o entorno ja vem sim sendo divulgado SIM realidade finançeira do gfc o mundo ja sabe e tbem a aapp entao para o bem do FUTEBOL DE CAMPINAS que a nossa impresa que tbem depende dos dois estarem bem e a CIDADE volte a ser conhecida como capital do futebol precisamos modernizar nossos clubes e que se ambos negocios em projetos de arenas ou novos estadios AAPP E GFC FAÇAM TUDO COM TRANSPARENCIA para o bem do futebol !

  • Messias
    21/07/2014 14:23

    Nesta segunda-feira tem assembléia no Guarani para discutir o passivo do clube. Se o associado não se manifestar agora não vai poder cornetar depois

  • DE ARI - GERAL
    21/07/2014 00:37

    Alô pessoal, o setor de tecnologia do FI já disponibiliza este consagrado espaço para comentários dos internautas, a fim de que tudo volte a ser como antes da Copa do Mundo e da mudança de cara do portal. Portanto, quem quiser comentar a partida com o Mogi Mirim, ótimo; quem se propuser a discutir o futuro do patrimônio do Guarani, melhor ainda

Confiram as Postagens Anteriores:

1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14 
 

Jornalista esportivo há 35 anos. Trabalhou, como jornalista, nas emissoras de Rádio Brasil, Educadora, Central, Jequitibá e Capital (São Paulo). Nos jornais: Diário do Povo e Jornal de Domingo, ambos de Campinas, e editor de Economia e Opinião do Jornal Todo Dia, de Americana.

Fale comigo