22
JUN
Ponte aproveita ingenuidade do lateral Lenon pra ganhar do Cruzeiro com gol de pênalti

O jogo fraco entre Ponte Preta e Cruzeiro certamente teria o carimbo de empate sem gols não fosse a tremenda besteira cometida pelo lateral-direito Lenon do time mineiro, que ingenuamente empurrou o atacante pontepretano Lucca dentro da área, em lance que não levaria perigo aos 36 minutos do primeiro tempo.

O próprio Lucca cobrou o pênalti, converteu, e com o gol a Ponte Preta venceu a partida por 1 a 0 na noite desta quinta-feira no Estádio Moisés Lucarelli.

Jogo fraco porque afora o pênalti a Ponte Preta não criou uma oportunidade sequer de gol. Já o Cruzeiro, apesar de intensificar o volume de jogo no início do segundo tempo, exigiu apenas uma defesa difícil do goleiro pontepretano Aranha, em chute forte e com efeito do meia-atacante Élber.

A proposta inicial do Cruzeiro era marcar atrás da linha da bola, e a Ponte Preta não teve criatividade para furar o bloqueio.

Faltavam jogadas rápidas e combinadas pelos lados do campo. Sem contar com o apoio do lateral-esquerdo João Lucas, o atacante Lucas foi absorvido pela marcação por vezes dupla dos cruzeirenses.

Do lado direito, algumas incursões de Nino Paraíba não tiveram sequência, até porque Claudinho - atacante de beirada - só não ficou sumido do jogo porque se esforçou para ajudar na marcação.

CAJÁ E SHEIK

Se o meia Renato Cajá procurou se movimentar, o certo é que tecnicamente nem se longe lembrou a boa partida disputada contra o Santos.

Assim, a Ponte só conseguiu prender a bola no ataque devido à experiência de Emerson Sheik, que ‘malandramente’ soube cavar faltas, e com isso permitiu que o time ‘respirasse’.

Cabem, todavia, aplausos ao plano de marcação pontepretano, exceto o lateral-esquerdo João Lucas que andou espanando em vários lances.

Os volantes Bob e Élton coadjuvaram sobremaneira os atentos zagueiros Marllon e Rodrigo, e com isso o previsível time do Cruzeiro não criou situação de embaraço à defensiva pontepretana.

Um dos raros descuidos foi aos 15 minutos quando Élber ficou livre dentro da área, mas injustificadamente o bandeirinha João Luís de Albuquerque marcou impedimento.

SUBSTITUIÇÕES

Registra-se acerto do treinador Gilson Kleina, da Ponte, ao sacar Claudinho aos 13 minutos para planejar recomposição do meio de campo com a entrada de Jadson.

Se é certo que demorou para trocar o já cansado Lucca, tem-se que considerar, também, a falta de perspectiva com a entrada do atacante Lins. Cajá, igualmente, demorou pra sair.

As trocas de atacantes do Cruzeiro também não surtiram efeito, com as entradas de Sassá e Rafael Sóbis nos lugares de Rafael Marques e Abila.

  • Same Cesar
    23/06/2017 23:29

    O menino Reinaldo já jogou de lateral esquerdo e se comportou muito bem como marcador atrás o que permitia a Lucca não recuar muito para buscar a bola. Agora com Joao o lucca precisa voltar muito e isso o cansa como atacante pois ele mesmo falou que esta desgastado! Portanto o Klena deve voltar a colocar Reinaldo como lateral e dar mais liberdade a Lucca na frente. A nega veia não esta tendo volume de jogo com finalização ao gol adversário.

  • João da Teixeira
    23/06/2017 20:17

    A 1ª Ministra Noruega pôs o nosso pseudo presidente numa saia justa, diria até que seria um vestido tubinho, aqueles de "cagar em pé", qdo disse que precisamos fazer uma limpeza governamental. Será que ele se viu dentro da pá de lixo ou dentro do "sanito", junto com a maioria dos políticos brasileiros? Eu duvido! O cara é um tremendo cara de pau. E ainda vem com aquela conversinha manjada, com muitas pausas, pensando no que vai falar, se é que um cidadão desses pensa!

  • João da Teixeira
    23/06/2017 20:14

    Dois jogos hoje:19h15 Série B CRB x Paysandu SPORTV e 21h30 Série B Criciúma x Paraná SPORTV. No sábado 12h C.Confeder. N.Zelândia x Portugal BAND e SPORTV; 12h C.Confeder. México x Rússia SPORTV; 16h30 Série B Brasil de Pelotas x Internacional REDETV, SPORTV; 19h Série B Guarani x Náutico SPORTV(menos SP) e Premiere; 20h Série C Tupi x Botafogo-SP EI MAXX. Domingo 16h SérieA Grêmio x Corinthians Globo; 19h Série A Chape x AtlétIco-MG SPORTV e Série C CSA x Fortaleza EI Maxx.

  • João da Teixeira
    23/06/2017 15:18

    Marcelo, para bom entendedor, "pingo é letra", deixa o sarau para nós, vai! Foram dormir mais cedo ontem e pelo jeito, não acordaram bem humorados! Só vc. apareceu aqui, como foi previsto. Caso perdêssemos, a mistaiada viria em peso para o blog...

  • RMaia
    23/06/2017 15:18

    Tecnicamente foi um jogo fraco. Aranha não teve muito trabalho e o Sheik soube cadenciar o jogo. O time do Cruzeiro também tava com uma baita preguiça de jogar, fora a pressão no início do segundo tempo nada mais fez em campo. Deu sono! Como o elenco da Ponte é limitado tecnicamente e numericamente não tem como não haver rodízio dos "vovôs" e outros que vem atuando direto como Lucca. Culpem os dirigentes que concordaram com essa tabela com jogos na quarta e domingo.

  • luiz felicio
    23/06/2017 15:17

    eu tambem nao me empolgo mais com o time da ponte, futebol burocratico esquema caranguejo so joga de lado e pa tras, mas ta dando resultado isso é o q importa não tem elenco. caja cansa não tem substituto o mesmo acontece com sheik, lucca, e o G( eberlim) bueno contratando volante.

  • marcelo
    23/06/2017 10:46

    não entendi João, os mistos que são meio pontepretanos e meio cruzeirenses ficaram na vontade? Queriam um empate, é isto?? Desenha pra gente.

  • Barba
    23/06/2017 10:46

    Deu pro gasto. Importante somar pontos e garantir a serie A. Mas é muito dificil ir ao estadio. Ontem deu sono... Caja e Sheik não agregaram nada, Elton e Joao Lucas horriveis...Apenas Bob continua dominando o meio-campo - Mas valeram os 3 pontos. Necessario mudar algo,s enao perdemos feio do Palmeiras no domingo.

  • Rodrigo U.
    23/06/2017 10:46

    A Ponte desde sempre tem dificuldade em jogar contra equipes que priorizam a marcação e ontem o cruzeiro fez isto muito bem. O jogo foi de uma qualidade técnica baixíssima e o importante foi a vitória. Apesar do Sheik está jogando bem, ainda falta um centroavante de mobilidade para fazer a bola ficar no campo de ataque. Agora é manter a equipe para melhorar o entrosamento, além de focar nas variações de jogadas.

  • Antonio
    23/06/2017 10:45

    Ari mais uma vez Carnielli mostra que esta certo. O time ganhou dos reservas do/Cruzeiro com um publico de 4.900 numa noite fria com menos de 1000 torcedores de Minas. Parabens para o marketing que tira leite de pedra...

  • João da Teixeira
    23/06/2017 10:43

    O SporTV fez uma coletânea das "canetas" dadas pelo Sheik durante o jogo de ontem. Deu inveja na Pilot e na BIC. Mas falando em veteranos, o Rich do bugre não deveria ser enquadrado como veterano, afinal o cara tem 34 anos, se não me engano. Conheço um monte de jogador mais velho do que ele e não queima óleo 40. Ô nego, vamos entrar em forma!!!

  • DE ARI PARA PAULO SÉRGIO (1)
    23/06/2017 10:43

    Prezado Paulo Sérgio, não se trata de ironia. Foi o retrato fiel dos fatos, que acoberta rendimento bem aquém daquilo que se espera da Ponte. Afinal, afora o pênalti que caiu no colo, viu-se apenas uma cabeçada do zagueiro Marllon pra fora. Trocado em miúdos: nenhuma defesa do goleiro Fábio...

  • DE ARI PARA PAULO SÉRGIO (2)
    23/06/2017 10:43

    ... Sendo assim, com esse histórico que retrata com fidelidade o que foi o jogo, como posso trair a minha consciência? Paulo Sérgio, vou persistir no lema do ‘é, é; não é, não é’. Se é, digo que é; se não é, digo que não. Observação: jamais deixei de reconhecer méritos da dupla de volantes e de zagueiros

  • Paulo Sergio
    23/06/2017 10:42

    Ari, me pareceu que sua manchete teve um tom irônico, mas tudo bem, para mim o que importa é a vitória e os três pontos, afinal as vitórias só acontecem em cima de ingênuos ou por erros do derrotado, não é? Então, bem que poderia ser: "Vem ai a vitória da Ponte"

  • João da Teixeira
    23/06/2017 10:31

    Já não me empolgo mais com o time da Ponte. Estamos fazendo para o gasto. Não adianta virmos aqui 'meter o pau', como dizem, "é o que temos para hoje!". Estamos dando sorte que o Sheik, o Marlon e o Rodrigo estão mostrando serviço. O Cajá é canseira e é isso, Ari. Não vou gastar meu neurônios, elucubrando ideias mirabolantes para esse time "ficar nas cabeças". mas como dizem, custo benefício ótimo, pelo menos estão cantando a Ponte em prosa e verso nesse quesito. E a mistaiada?

« Anterior : [ 1 ] 2 : Próxima »
21
JUN
Por que a insistência com o irregular João Lucas no time da Ponte Preta?

O assunto é Ponte Preta, mas é necessário que se recorra a um exemplo no jogo em que o Oeste empatou com o Guarani sem gols, na terça-feira, como ilustração.

Treinador com coragem de sacar atleta mal no jogo, ainda no primeiro tempo, só merece aplausos. Ao tomar a atitude, claro está que ele sai em defesa de sua agremiação e descarta o paternalismo.

Pois agiu corretamente o treinador do Oeste, Roberto Cavalo, quando substituiu o lateral-esquerdo Ricardo aos 30 minutos do primeiro tempo, optando por Guilherme Romon como substituto.

Não cabe o argumento que Cavalo só mexeu porque Ricardo estava ‘amarelado’. Nessa circunstância, é praxe o ‘treineiro’ esperar o intervalo para tomar providência.

AVENIDA PERIGOSA

O certo é que Cavalo percebeu claramente que o lado esquerdo de sua defesa havia se transformado numa avenida perigosa, que exigia sucessivas coberturas do quarto-zagueiro Leandro Amaro. E antes do caldo engrossar de vez, não pensou duas vezes em mudar.

Por que esse preâmbulo? Simples. Pra mostrar que nos últimos três jogos o lateral-esquerdo João Lucas, da Ponte Preta, transformou o seu setor numa ‘avenidona’ bem convidativa para que adversários a explorem, e o treinador Gilson Kleina faz de conta que não vê, ou fica morrendo de dó de sacá-lo.

Se pelo menos João Lucas tivesse rendimento compensado ofensivamente seria permitido alguém fazer o contraponto.

O atleta está com incrível paúra para jogar. Desfaz-se de bola rapidinho, na maioria das vezes recuando-a para quarto-zagueiro ou volante que encostam como opção.

CORREÇÃO

A rigor, quando foi anunciado o interesse da Ponte pela contratação de João Lucas, a coluna registrou que era jogador com deficiência na marcação nos tempos de Novorizontino. Ao trazê-lo, de certo apostaram na correção desse quesito.

Evidente que nesse espaço também foi ressaltado a capacidade de João Lucas conduzir a bola ao ataque, e destemor para chegar ao fundo de campo.

Todavia, ultimamente ele não faz uma coisa e nem outra.

Oxalá possa começar a se redimir nesta quinta-feira, por ocasião do jogo da Ponte Preta contra o Cruzeiro, em Campinas.

O correto, mesmo, seria nem ser escalado. Será que o reserva Fernandinho sequer está dando pro gasto?

  • João da Teixeira
    22/06/2017 22:15

    Temer, o Drácula, conseguiu convencer a Noruega a cortar as verbas de ajuda para manter as florestas tropicais brasileiras, não precisou nem fazer força para perder a ajuda norueguesa. O picareta, com a maior cara lavada, disse que a crise já foi superada no Brasil. Será que ele acha que os noruegueses são cegos como a maioria dos brasileiros? Ahhhh coitado!

  • João da Teixeira
    22/06/2017 19:20

    Pagé, hoje a "mistaiada" tem orgasmos múltiplos se o Cruzeiro acertar a mão. A mão, não! O pé... Ô vontade!!! Se a Ponte perder, hoje tem até sarau no blog....todos aparecem novamente...

  • RMaia
    22/06/2017 17:49

    Ari, os treinadores ao invés de estudar os adversários e descobrir uma maneira envolvê-los taticamente, preferem armar a equipe pra no erro dar o bote nos contra-ataques e marcar gols, depois do gol marcado se fecham recuando os meias e os laterais, isso jogando em casa ou fora, isso aconteceu no jogo do Santos ontem. A Ponte com seus "vovôs" até já conseguiu alguns resultados (SP e Chape) assim, mas quando toma gol não consegue superar a retranca (AG e Flamengo) e ainda se expõe.

  • Profeta da Tribo
    22/06/2017 17:48

    Estou olhando a tabela de classificação. Se o favoritismo do Cruzeiro se confirmar, a AAPP ficará em situação delicada no campeonato, com três jogos sem vitória e encarando o Palmeiras na próxima rodada. Enfrentar o Palmeiras de Cuca, que está se arrumando, não será tão fácil quanto o Palmeiras do Batista, que estava todo desorganizado.

  • Profeta da Tribo
    22/06/2017 17:47

    Falando racionalmente, deixando de lado preferências clubísticas, a verdade é que a AAPP disputa um campeonato paralelo. Seus adversários são: Bahia, Vitória, Sport, Avaí e Atlético GO. A AAPP precisa ficar pelo menos em segundo nesse campeonato, para evitar a equeda. Parada dura. Esses times de baixo estão procurando soluções, e a AAPP está muito acomodada.

  • Marcelo macaco MPPL/ Paulo Sérgio
    22/06/2017 17:47

    Parabéns Paulo Sérgio , excelente comentário ,disse tudo é na Ponte Preta além da Elenko Sport escalar jogadores ela tem livre acesso a negociação ,é só ver as imagens do Sr Fernando Garcia com representantes do SP , Matheus Jesus, e NENHUM REPRESENTANTE DA PONTE PRETA !!!.....POBRE MACACA ,VAO VENDER ATE AS NOSSAS CUECAS E NÃO VEREMOS 1 REAL !!

  • João da Teixeira 1
    22/06/2017 12:41

    Vamos ver qual é a surpresa que irão nos preparar para essa 5ª feira contra o Cruzeiro. Qual milagre. Mudando de assunto, a revista Carta Capital de ontem, aparecem na capa "Os Bons Companheiros" da política brasileira, alusão ao filme do Martin Scorsese, Temer (parecido com Christopher Lee, o Drácula), Aécio, o Playboy de Minas e o Gilmar Mendes, the "goodfella". Sabe qdo vc. confia num cidadão, não porque vc. o conhece, mas sim pelo que ele representa e vc. se decepciona? cont.

  • João da Teixeira 2
    22/06/2017 12:40

    cont. Vê que ele é o pior que os próprios bandidos, pois é, é assim que a Carta Capital mostra esses "Bons Companheiros". E o "fella" teve coragem de ir na Rússia e Noruega passar o "pires", a "sacolinha". Com que "olhos" os russos e principalmente os noruegueses veem esse governante? Gente, não precisamos de propaganda, nesse momento, para dizer que somos um país não confiável. Dispensamos o "Drácula", de chupar mais o nosso sangue nesse momento...

  • luiz felicio
    22/06/2017 11:37

    o joao lucas ja teve todas as oportunidades e nao acrescentou nada, esta na hora de trocar, se o reserva nao passa confiança entao vai atras de outro no mercado.

  • DE ARI PARA R.MAIA
    22/06/2017 11:37

    Prezado R.Maia, é possível que haja ganho com a mudança de preparador físico, mas nada substancial. Suponho que o projeto da comissão técnica será colocar intensidade nos inícios das partidas para que o time faça o resultado, e depois desacelere pros ‘velhinhos’ respirarem...

  • DE ARI PARA R.MAIA (2)
    22/06/2017 11:35

    ... Dependendo das circunstâncias, é válida a marcação alta pra se roubar a bola no campo de ataque, e aí valorizá-la de forma que a boleirada possa ‘respirar’. Boleiro experiente tem mais facilidade para colocar tal projeto em prática. O difícil, neste campeonato competitivo, é fazer o resultado no primeiro tempo, para posteriormente administrá-lo.

  • RMaia
    22/06/2017 11:34

    Qual foi o real motivo da troca de preparador físico da Ponte? O que havia de errado? A Ponte tem uma sequência de jogos difíceis pela frente Cruzeiro, Palmeiras e na semana que vem contra o time paraguaio pela Sulamericana, será que os "vovôs" aguentarão jogar todas as partidas ou vai haver revezamento? Fica claro mais uma vez a falta de elenco. E a questão do centroavante? Desde janeiro não conseguem contratar um substituto pro Pottker, Gustavo Bueno mais uma vez vacilando....

  • Carlos Monkey
    22/06/2017 11:15

    Concordo em gênero, numero e grau com o comentário do Paulo Sergio, sobre a escalação do time. Falou tudo.

  • Paulo Sergio p/ Ari
    22/06/2017 10:11

    Prezado Ari, vamos por um ponto final nessa coisa de escalação!!! Quem escala não é o técnico e sim o empresário ou diretor, presidente interessado naquele jogador, no futebol de hoje, técnico só treina e arma o esquema tático, só isso! As torcidas de Ponte e Guarani estão cansadas de pedir esse ou aquele que está no banco e os técnicos não colocam, por que??? Por que na contratação já esta definido que o cara vai jogar e fim de papo! isto é, VITRINE! Aí querem torcida!!

  • Paulo Sergio p/ Ari 2
    22/06/2017 10:10

    Pobres treinadores que são chamados de burro, teimoso, cego, incompetente etc..etc..não mandam nem na cueca que vestem!!! ah, como o futebol mudou!!!

« Anterior : [ 1 ] 2 : Próxima »
Confiram as Postagens Anteriores:

1  2  3  4  5  6  7  8  9  10  11  12  13  14 
 

Jornalista esportivo há 40 anos. Trabalhou, como jornalista, nas emissoras de Rádio Brasil, Educadora, Central, Jequitibá e Capital (São Paulo). Nos jornais: Diário do Povo e Jornal de Domingo, ambos de Campinas, e editor de Economia e Opinião do Jornal Todo Dia, de Americana.

Fale comigo